top of page
Buscar
  • Foto do escritorYSP-América Latina

Nomeação de Embaixadores da Paz



Na última quinta-feira (05/09), em São Paulo, ocorreu uma cerimônia organizada pelo YSP - Youth and Students for Peace e pela UPF - Universal Peace Federation. Durante esse evento, funcionários do TRE Amapá foram honrados com o título de "Embaixadores da Paz" em reconhecimento pelo comprometimento deles com a promoção da paz e dos direitos civis nas comunidades desfavorecidas da região amazônica.

As organizações responsáveis pela nomeação, atuam internacionalmente em mais de 192 países e até mesmo possuem status consultivo no ECOSOC da ONU.


Foram homenageados com a honraria “Título de Embaixador da Paz” os servidores do TRE - AP: Dr. João Guilherme Lages Mendes - Desembargador e Professor, Dr. Diego Moura De Araújo - Juiz de Direito, Juiz Eleitoral, Presidente de Inovação do TRE e Professor, Francisco Valentim Maia - Diretor Geral do TRE Amapá, Ana Cristina Ferreira da Paz - Presidente do Itinerante TRE/AP e Professora e Giovana De Pádua Dias Sant’Angelo - Gestora de Projetas, Ativista e Assessora do TRE/AP. Os nomes acima passam a fazer parte de um seleto grupo com personalidades de envergadura internacional tais como Ban Kim Moon, ex-secretário-geral da ONU, Dame Sarah Catherine Gilbert, co-desenvolvedora da vacina Astrazeneca, e Sakena Yacoobi, ativista pelo direito das mulheres à educação.


Em seus cumprimentos na cerimônia, Dr. Diego Moura De Araújo relatou que quando foi trabalhar em uma região tão longínqua do país e abandonada pelo poder público, muitos colegas diziam que ele teve má sorte, mas que ele não enxerga dessa maneira, já que lá pôde conhecer a difícil situação dos povos indígenas e dos ribeirinhos e, com a sua equipe, realizar um trabalho itinerante que já dura 12 anos levando informação, dignidade e voto para comunidades distantes que antes não conseguiam exercer esse direito. Ele ainda destaca que a atuação do TRE-AP vai além do que a popularmente associada ao órgão: “O TRE-AP segue a agenda 2030 da ONU fielmente como diretriz fulcral para o desenvolvimento sustentável. Como eu menciono sempre, a Justiça Eleitoral não serve apenas para garantir o voto, este é aliás um importante, porém não um isolado objetivo, a justiça eleitoral busca levar dignidade ao cidadão”.


Na ocasião, além da equipe do TRE-AP a Professora e Pesquisadora Dra. Nádia Maria Bádue Freire, precursora dos estudos sobre Educação para Paz no Brasil também foi nomeada “Embaixadora da Paz” em reconhecimento a sua vida dedicada à educação para paz e tolerância. Além de reconhecer iniciativas que contribuem para a paz e desenvolvimento sustentáveis nas mais diversas áreas, o título também representa uma renovação do compromisso de seus nomeados e estabelece um networking de suporte e parceria para ações futuras em pró da paz em seu sentido mais amplo.




98 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

댓글


bottom of page